Quinta feira, 20 de novembro de 2014










04/08/2004 22:30Anterior | Índice | Próxima

Pesquisadora afirma que Córrego do Barbado está 95% degradado

Da Reportagem

Quase a totalidade dos 9,2 km do Córrego do Barbado apresenta algum tipo de degradação ambiental, conforme a engenheira agrônoma Andréia Ferreira, membro da equipe que realizou o diagnóstico que servirá como base para a implantação do programa “Barbado - Córrego Vivo”. O programa, que foi apresentado à população em audiência pública nesta quarta-feira (04), inclui uma série de ações de curto, médio e longo prazo para a recuperação do córrego e deverá ser acompanhado pela AlphaVille Urbanismo, por meio da Fundação AlphaVille. Andréia afirmou que o único trecho do Barbado que não apresenta degradação é o que passa pelo parque Massairo Okamura. As demais áreas, problemas como poluição, assoreamento, destruição da vegetação das margens, derramamento de esgoto e construções irregulares. Ela informou ainda que análises da água revelaram uma concentração de coliformes fecais 500 vezes mais alta que o máximo permitido para que a água possa ser utilizada. A implantação do programa é fruto de um Termo de Ajustamento de Conduta fechado entre AlphaVille e a Promotoria de Justiça de Defesa do Meio Ambiente de Cuiabá. Até agora, já foram investidos cerca de R$100 mil pela Fundação AlphaVille, em projetos, diagnósticos e divulgação. A recuperação do córrego deverá custar R$2,7 milhões, sem contar as obras de saneamento. A diretora da Fundação AlphaVille, Mônica Picavêa, esteve em Cuiabá especialmente para participar da audiência, que durou a manhã inteira. O córrego Barbado, prejudicado por um processo histórico de degradação, nasce na região do CPA e corta uma extensa área urbanizada na capital, passando por canalizações, recebendo grande volume de esgoto sem tratamento e sofrendo com a ocupação irregular em diversos pontos de suas margens. Quando desemboca no rio Cuiabá - um dos principais formadores do Pantanal - está com o volume de água extremamente reduzido e carregado de poluentes. Para o promotor de Justiça de Defesa do Meio Ambiente, Gérson Barbosa, a recuperação do Barbado é o primeiro grande passo para a conservação dos recursos hídricos na área urbana de Cuiabá. “A partir dos resultados desse projeto, ele poderá ser usado como modelo para outros córregos da capital, que ajudam a formar o rio Cuiabá e, por meio dele, desembocam no Pantanal”, afirma o promotor. Ele explica que o Ministério Público vem acompanhando de perto os reflexos da urbanização sobre os recursos hídricos, pois há grande preocupação em evitar a perda de qualidade de vida da população.

O programa de recuperação inclui ações de curto, médio e longo prazo, como a limpeza, recuperação e revegetação das margens do córrego, intensificação da fiscalização, um extenso programa de educação ambiental e soluções para reduzir o volume de esgoto despejado nas águas do Barbado. A Educação Ambiental será responsabilidade da Fundação AlphaVille, trabalhando prioritariamente com todas as escolas situadas na bacia do córrego - são 13 escolas de ensino público. Todo o projeto é fruto de um Termo de Ajustamento de Conduta fechado entre AlphaVille Urbanismo, por meio da Fundação AlphaVille e o Ministério Público, à época do lançamento do AlphaVille Cuiabá, em novembro de 2003.

Mônica Picavêa conta que todo o diagnóstico do Barbado foi feito pela AlphaVille Urbanismo, por meio da Fundação, que contratou uma equipe de profissionais especializada no assunto. A Fundação também disponibilizou todas as informações no site www.fundacaoalphaville.org.br/barbado. “É muito satisfatório participar de um programa que pode ser o embrião de uma grande ação em prol de toda a bacia do rio Cuiabá e do próprio Pantanal”, afirma Mônica.

Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto

· Sou te.cambientalista, no ano de 2009, p  - silvana Dias de Cmpos

22:59 Cruzeiro deve poupar alguns atletas hoje
22:59 Fluminense fala em jogo "decisivo"
22:58 Ceni falha e o São Paulo perde
22:58 Botafogo é derrotado pelo Figueirense e se complica
22:58 Corinthians derrota o Goiás em Belém


22:58 Jules Bianchi deixa coma induzido
22:57 Atlético-PR e Santos não saem do empate em Curitiba
22:57 Atlético-MG goleia o Fla e volta ao G-4
22:57 Atlético-PR e Santos não saem do empate em Curitiba
20:47 Servidores afastados ainda recebem
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2012