Quarta feira, 12 de dezembro de 2018 Edição nº 10424 01/10/2002  










CRIME ORGANIZADOAnterior | Índice | Próxima

Pistoleiros matam Sávio Brandão

Dono da Folha do Estado estava visitando obras da nova sede do jornal quando foi atingido por vários disparos

ANSELMO CARVALHO PINTO e DANIEL PETTENGILL
Da Reportagem

O empresário Sávio Brandão, dono do jornal Folha do Estado, foi assassinado ontem à tarde com pelo menos cinco tiros de pistola 9 milímetros. A execução aconteceu em frente à futura sede do jornal, que está sendo construída no bairro Consil. O empresário tinha 41 anos e era casado havia um ano com a advogada Isabela Brandão, grávida de sete meses.

Sávio estava visitando as obras da nova sede do grupo na companhia de um engenheiro da Encomind, a construtora contratada para erguer o novo prédio. Segundo testemunhas, dois homens ocupando um moto o aguardavam na esquina da avenida Tereza Lobo e se aproximaram do empresário já atirando. A perícia informou que Sávio Brandão recebeu pelo menos quatro tiros na cabeça – um deles no olho – e outro no tórax.

Após um pedido emergencial do secretário de Segurança do Estado, Benedito Corbelino, a Procuradoria Geral de Justiça nomeou o promotor Flávio Fachone para acompanhar as investigações e auxiliar a Polícia Civil. O despacho relatando a escolha foi feito pelo procurador Luiz Eduardo Jacob no fim da tarde.

Ainda à tarde, o governo do Estado divulgou nota oficial lamentando o assassinato e atribuindo-lhe ao crime organizado. “A morte de Sávio Brandão, nas circunstâncias em que ocorreu, fere os princípios de direitos e cidadania se configura num atentado à liberdade de imprensa”, diz a nota.

Até agosto, o empresário estava andando na companhia de dois guarda-costas, segundo informaram funcionários da Folha do Estado. Desde então, sentindo-se mais seguro, ele os havia dispensado. Atualmente sua providência em relação à segurança resumia-se a um Ômega blindado.

Na época em que contratou os seguranças, Sávio Brandão chegou a confidenciar a amigos que sua execução teria sido contratada por R$ 100 mil.

Segundo o diretor-administrativo da Folha do Estado, Ciro Braga Neto, o empresário não apresentava nenhum sinal de preocupação nos últimos dias. “Estive com ele no final de semana e falei ao telefone hoje (ontem). Não percebi nenhum sinal de que estivesse com medo de algo”, afirmou.

“É um típico crime de encomenda”, disse o delegado Simael Ferreira, da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP). “Eles sempre fazem essas execuções usando capacete com viseira escura”.

Simael informou ainda que, em razão da sobrecarga da DHPP, iria pedir o apoio do Grupo de Combate ao Crime Organizado (GCCO), da Polícia Civil. “Sabemos que esse assassinato exigirá muito esforço da polícia”, disse o delegado.

O trabalho de perícia do corpo durou cerca de uma hora e meia e atraiu centenas de pessoas, que se aglomeravam ao longo da avenida Tereza Lobo.

PROTESTO - O diretor executivo da Associação Nacional de Jornais (ANJ), Fernando Martins, disse que a entidade irá solicitar a ajuda da Polícia Federal na elucidação do caso. “Há indícios de envolvimento do crime organizado, o que representa uma grave ameaça à atuação da imprensa”, afirmou Martins.

LEIA TAMBÉM

Testemunha do crime quase se torna vítima
‘Cacalo’ se revolta com morte e pede retorno dos militares
OAB fala em intervenção federal
Empresário tinha fama de ‘playboy’ e empreendedor
Delegado pede que viseira escura seja abolida
Candidatos cancelam as atividades




Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto

· É insustentável que uma capital tenha co  - elina s. de mendonça enrique
· É inadmissível e revoltante o caos no qu  - Sâmia Bumlai Gahyva Nadaf
· obs;tem de acabar com a banda pondre na   - gilson
· Todos em Mato Grosso sabem quem foi o ma  - José Gonçalves Miro
· A classe empresarial do comércio e servi  - Pedro Nadaf
· Um crime hediondo que revela a dramatici  - Mauricio de Eirós Junior
· A INTERVENÇÃO FEDERAL PARA ESTE TIPO DE   - RAIMUNDO
· Estou chocado com o passamento do meu co  - Adelson Paiva Serra
· Gostaría-mos que todos os casos dessa na  - ERNESTO SOARES GUIMARÃES




18:28 Senado aprova liberação do FEX, MT é o maior beneficiário
18:26 Mauro entrega reforma administrativa e mudanças no Fethab
18:26 TCE manda Silval, Edmilson e Marcel devolverem R$ 17 milhões
18:25 Mendes quer Gallo na Fazenda
18:25 Mauro admite escalonar salário em janeiro


18:05 Grêmio se acerta com Thiago Neves
18:05 Gustavo Gómez compara Palmeiras com as equipes do futebol europeu
18:04 Tricolor tenta um acerto com Caicedo
18:04 Dunga é sondado para comandar o Peixe
18:03 Receita cobra R$ 69 milhões de Neymar
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018