NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Terça-feira, 04 de Agosto de 2020
CUIABÁ URGENTE
Sexta-feira, 10 de Julho de 2020, 14h:57

ÁGUIA NA CABEÇA

CPI do Paletó: "absolvição" de prefeito por vereador era esperada

Da Redação

Reprodução

Emanuel - Paletó

Emanuel Pinheiro foi filmado em 2014 recebendo dinheiro de assessor de Silval Barbosa

Para surpresa de ninguém, o vereador Toninho de Souza (PSD) “absolveu” o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) no tristemente famoso “Caso Paletó”.

A maioria dos 25 componentes da Casa dos Horrores – vulgo Câmara de Cuiabá – não tinha dúvidas disso.

Relator da CPI, Souza deixa transparecer que o prefeito não deve explicações à sociedade sobre o vídeo, gravado em 2014, quando ele recebe maços de dinheiro das mãos de um ex-assessor do governador Silval Barbosa, e que seria pagamento de propina.

O relatório paralelo, apresentado pela oposição e aprovado pela CPI e que recomenda o afastamento de Pinheiro, vai para o presidente da Câmara, Misael Galvão (PTB).

A quem interessar possa: o vereador é integrante da “tropa de choque” do prefeito no Legislativo. 

Leia mais sobre o caso AQUI.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Como você vê as acusações entre Mauro Mendes e Emanuel Pinheiro sobre o caos na pandemia?
O governador é o culpado
O prefeito da Capital também tem culpa
Essa briga prejudica as ações de combate à Covid-19
É uma disputa político-eleitoral
PARCIAL