NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Terça-feira, 04 de Agosto de 2020
CUIABÁ URGENTE
Segunda-feira, 13 de Julho de 2020, 10h:05

EXÉRCITO & GENOCÍDIO

Após crítica de Gilmar Mendes, general deve ir para a reserva

Da Redação

STF

Gilmar Mendes

A declaração do mato-grossense Gilmar Mendes repercutiu no Planalto

A declaração do ministro Gilmar Mendes, do STF sobre o Exército se associar a um "genocídio", por conta da condução do Ministério da Saúde durante a pandemia repercute no Palácio do Planalto, segundo a jornalista Andréia Sadi, da GloboNews.

Militares voltaram a pressionar o general Eduardo Pazuello a pedir reserva no Exército, seguindo o movimento feito por Luiz Eduardo Ramos, ministro da Casa Civil, no começo do mês.

Na verdade, é uma tentativa dos generais da ativa de tentarem se descolar da imagem de que há uma confusão entre o Exército e a política.

Para entender o caso, leia mais AQUI.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Como você vê as acusações entre Mauro Mendes e Emanuel Pinheiro sobre o caos na pandemia?
O governador é o culpado
O prefeito da Capital também tem culpa
Essa briga prejudica as ações de combate à Covid-19
É uma disputa político-eleitoral
PARCIAL