NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Quinta-feira, 24 de Setembro de 2020
CIDADES
Terça-feira, 28 de Janeiro de 2020, 14h:53

POLICLÍNICA DO COXIPÓ

Sem contrato, médico deixa de atender em Policlínica

ADMAR PORTUGAL
Da Reportagem

Por determinação da Secretaria Municipal de Saúde o médico Rui de Souza Gonçalves está dispensado de atender dezenas de pacientes com diabéticos com feridas na perna, principalmente com isipela. Na manhã de ontem, na Policlínica do Coxipó, dezenas de pacientes que aguardavam pelo atendimento foram dispensado através do Termo de Rescisão do Contrato por Tempo Determinado assinado pelo secretário Municipal de Saúde, Luiz Antonio Possas de Carvalho.
“Quero perguntar ao secretário e ao prefeito Emanuel Pinheiro o que meu atendimento tem a ver por excepcional interesse público”, indaga Dr. Rui Gonçalves, que admite sofrer por uma perseguição política. O doutor vinha atendendo dezenas de pacientes em um espaço improvisado na Policlínica do Coxipó desde dezembro do ano passado.
Com vinculo com a prefeitura de Cuiabá há 18 anos, Dr. Rui de Souza Gonçalves é cirurgião plástico no hospital Jardim Cuiabá, atende também como clínico geral nos finais de semana na Policlínica do Coxipó, atendeu por vários anos no Hospital e Pronto Socorro de Cuiabá e também foi diretor no Hospital Universitário Júlio Muller.
“Eu não encontro justificativa para essa perseguição ao Dr. Rui. Graças a ele voltei a acreditar na minha cura. Sofro com úlcera varicose há mais de 40 anos, passei por vários médicos que haviam garantidos que o certo seria amputar as duas pernas. Comecei o tratamento com Dr. Rui e ele garantiu a cura de minhas feridas e três meses depois sai da cadeira de rodas e caminho com minhas próprias pernasm, graças à Deus e ao doutor Rui”, diz o paciente Wanderley José Soares, de 60 anos.
Já a paciente Nilza Pedrosa Evangelista, 64, disse que vem lutando com sua ferida há meses e há menos de três meses em tratamento com Dr. Rui já está confiante na cura. “Passei por várias UPAS, Policlínicas e até o Pronto Socorro e nada de melhora. So fui encontrar melhores resultados com Dr. Rui e ele não pode deixar de nos atender. Como vamos ficar daqui pra frente”, indaga.
Os pacientes prometem uma manifestação na manhã desta terça-feira em frente da prefeitura de Cuiabá em busca de sensibilizar o prefeito Emanuel Pinheiro a não somente manter o contrato com Dr. Rui de Souza Gonçalves como também de arrumar uma sala com as infraestruturas necessárias para atendimento das dezenas de pacientes diabéticos ou não.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
MT terá eleições simultâneas para vereador, prefeito e senador? Você já escolheu seus candidatos?
Sim
Não
Vou anular os votos
Nenhum dos candidatos presta
PARCIAL